Como dar um “stop” em jogadores compulsivos!

Bem vindos caros mestres loucos para jogar um meteoro no mundo de campanha de seus jogadores! A segui vou dar algumas dicas para aqueles não aguentam mais ouvir “eu ataco”, “tu tá robando” ou mesmo “vô pegá pra vendê”!!!

Você passa a semana toda preparando a quest, faz cada caminho da dungeon, prepara cuidadosamente cada armadilha, fica interpretando o vilão do lugar no espelho para que possa dar um ar mais realístico para a campanha, e chega na hora… eles saem batendo em todo mundo, ficam exigindo ítens mágicos, pegam tudo que encontram e etc…

Algumas dicas boas para que você reduza este problema em sua mesa de jogo:

  1. Vocês estão vendo o que restou do corpo de um soldado do rei, parece que ele foi perfurado por algo quente, pois a ferida está cicatrizada. Junto a ele vocês vêem um pergaminho enrolado, muito semelhante a um mapa…” Esquema da coisa: quem furou o corpo do soldado foi uma magia de lança de fogo, enquanto o pergaminho é uma armadilha de ativação, que, quando aberto o selo, dispara um veneno mortal.
  2. “Depois de tantas batalhas, enigmas e confusões, você enxergam o colar de Valmung em cima do antigo altar drow, mas cuidado, lembrem-se que os drows eram cheios de truques.” Esquema da coisa: pra começar que aquele nem é o verdadeiro colar, e sim uma réplica amaldiçoada, que impedirá o personagem de utilizar ou se beneficiar de magias e poções de cura. Enquanto o verdadeiro foi roubado pelo bruxo da floresta.
  3. “Ao atacar o viajante com capuz negro, vocês são surpreendidos por 5 companheiros dele, que estavam escondidos preparando uma emboscada…” Esquema da coisa: nem sempre precisa ser os aventureiros a estarem emboscando alguém, pode ser que os inimigos já tenham percebido sua chegada.

Duas pequenas observações: não usem frequentemente, ou seus jogadores podem ficar traumatizados e sempre tentem encaixar isso na história da campanha, não por vingança, ok!

Bem pessoal, espero ter ajudado um pouco. O meu próximo post será sobre idéias para aventuras, com fotos e etc.

Obrigado e muitos críticos!!!

Advertisements

Dicas de Mestre – Ajudando na interpretação dos Jogadores


Olá mas uma vez galera do mal!!! Quem dos mestres nunca viu um jogador criar uma mega personalildade para seu char, você pensa que aquilo vai salvar sua campanha e chega na hora do jogo mesmo, ele não interpreta nem perto do que escreveu…

Bem, isso irrita qualquer mestre. Mas como reverter essa situação sem “chingar” o jogador? Simples, muito simples.

Muitos mestres deixam seus jogadores interpretarem seus personagens da maneira que eles querem ou criaram, o que pode dar muitos inconvenientes posteriormente.

Vou dar alguns passos a seguir que possivelmente serão bem interessantes para sua campanha.

More